Escolha uma Página

24/04 às 15h – Sala 307 do Bloco O

Gail Triner
Departamento de História da Rutgers University, pesquisadora visitante no PPGCP da UFF.

Resumo

No livro recém-lançado, Minerals and the State in Brazilian Development (Pickering and Chatto: 2011) eu monto o argumento que as leis e práticas aplicadas aos recursos do subsolo se implicam profundamente no ambiente instituicional que define a economia e a política brasileira no longo prazo. Protegendo sua soberania do subsolo, o setor foi fundamental para a União para promover uma indústria dos ben-de-capitais com escala enorme e na construção do papel econômico do estado durante o século XX. O subsolo no domínio público ficou interligado com as leis de propriedade geral, proibindo a divisão dos bens imobiliados, em uma maneira que constrangia o acesso dos atores privados aos recursos minerais. As interligações entre um regime dos direitos ao subsolo, baseados nos princípios coloniais, e as estruturas da governança que têm bases no corporatismo político e econômico, contribuíam fortemente ao papel econômico do estado brasileiro.

No trabalho faço um resumo dos argumentos principais do livro, mais estendo as conclusões aos debates das ‘Variedades do Capitalismo’ (V-C). O trabalho demonstra o processo histórico que determinava a consolidação do Brasil como uma ‘economia com mercado heirarquiazado.’ Este estudo-de-caso incorpora dinamismo dentro dos argumentos da V-C ao mesmo tempo que explora as bases históricas na diferenciação entre as economias capitalistas.

Ao fim da palestra apresentarei um resumo curto das minhas pesquisas atuais sobre ‘Non-renewable Natural Resources, Institutions and Globalization in the Modern Brazilian Economy.’ Este projeto extende as pesquisas sobre a história das instituições da economia-política brasileira para considerar o re-estruturamento (ou não) instituicional dentro do contexto de uma regime globalmente aberto e a nova posição da indústria petroleira brasileira.

Hierarchical Market Economy and State Capitalism in Brazil: Its Origins in Iron Ore

Programação completa do Seminário do PPGCP em 2012